Pacto de Autarcas

Município de Odivelas não subscreve

A Corrupção

Carla Sofia Marcelino

Não há Políticas de Juventude em Odivelas!

OdivelasTV Entrevista presidente da JSD Odivelas, Carla Marcelino

20 de maio de 2015

JSD Odivelas debate Política Jovem com líder parlamentar

No passado dia 19 de Maio foi realizado um debate com os militantes do PSD Odivelas sobre a situação política nacional que contou com a presença do Líder Parlamentar do PSD Dr. Luís Montenegro.


Mais do que uma sessão de esclarecimento sobre a situação política nacional per se, assim como o processo de campanha para as próximas eleições legislativas, foi um momento único e exclusivo para se debater concretamente e ao vivo a reforma política e os objectivos na área do emprego jovem.






Os militantes presentes da JSD Odivelas pretenderam saber:

- Como lidar com o crescente desequilíbrio demográfico da população activa e não activa a médio-longo prazo;
- Quais os incentivos para as gerações jovens não emigrarem a curto-prazo;
- De que maneira se deverá tolerar o abuso empresarial/profissional com os estágios ao abrigo do Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP);
- Como desafiar a taxa de desemprego jovem no curto-médio prazo;
- Que estratégias tem o partido para convencer os jovens, para ouvir e falar com estes, com mais abertura?


Colocamos os interesses e os problemas reais dos jovens na nossa agenda política, porque também nós o somos, vivenciando os mesmos problemas e desafios. Fazemos política crítica, sem tabus ou agendas próprias. Junta-te a nós, dá voz ás tuas preocupações e ajuda-nos a mudar. 

19 de maio de 2015

Sobre a TAP: pior a emenda...

Independentemente das nossas posições de princípio sobre a privatização de uma companhia aérea detida maioritariamente por capitais públicos e, por isso, que até agora, assumiu um papel de interesse público, a única aliás em Portugal, a verdade é que todo o processo foi bastante mais penoso para os portugueses do que poderia ter sido, se as partes em questão tivessem sabido medir as forças uns dos outros com realismo. O cenário de não privatização há muito que não parecia possível, e esse anúncio feito e refeito por diversas ocasiões, tornou-se ainda mais real depois do ciclo de greves que só fizeram afundar ainda mais a empresa. Os pilotos em greve não contestavam já a privatização. As acções de greve que empreenderam não tinham o fim honroso de evitar qualquer dissipação do património do Estado, nunca houve qualquer luta pelo interesse público. Pelo contrário, as suas reivindicações pareceram bastante privadas, pois afinal o que sempre pretenderam foi obter, sem contrapartidas, uma parte do capital social da empresa. Interesse público!? A greve é um instituto que não quero pôr em causa, deve ser respeitado e usado em prol da defesa de direitos fundamentais. O facto de constantemente ser deturpado o seu verdadeiro sentido, só desvirtua a sua utilidade e passa a ser vista como uma arma de arremesso para a manutenção de privilégios que alguns trabalhadores têm, já não face às empresas, mas face a outros trabalhadores.

Obviamente que tal greve, cujo objectivo não passou despercebido, condicionou todo o processo de venda, que afastou alguns investidores amedrontados com a falta de "controlo" da empresa sobre os funcionários. Mas permitiu confirmar que as cedências devem existir, o compromisso e o bom sendo devem prevalecer. Não vejo como uma saída positiva para o Governo, que se manteve na decisão tomada, mas vejo um saldo muito negativo para o país. Já não há volta a dar na privatização, ainda mais agora, que as finanças da empresa pioraram. Os pilotos conseguiram uma estranha proeza, já ninguém defende a não privatização: de uma vez por todas, que não sobre para o bolso dos contribuintes! O saldo negativo é também para as classes que de forma pouco solidária pretendem tirar partido por interesses pessoais numa altura em que são pedidos sacrifícios aos portugueses.

11 de maio de 2015

Plenário JSD - 13 Maio


6 de maio de 2015

41.º aniversário do PSD

Hoje o Partido Social-Democrata Português celebra 41 anos de vida!

Este vídeo demonstra um pouco da história do maior melhor partido de Portugal:

3 de maio de 2015

JSD Odivelas TV - Edição Especial - Intervenção de Daniela Duarte - 25 de Abril Pontinha

Nesta Edição Especial da JSD Odivelas TV, podes ver a intervenção da Vice-Presidente da JSD Odivelas e também Líder da Bancada do PSD, na Assembleia da União de Freguesias de Pontinha e Famões, Daniela Duarte, na cerimónia comemorativa do 25 de Abril de 1974, que teve lugar no passado dia 24 de Abril, no Mercado Levante na Pontinha.

 

30 de abril de 2015

Newsletter Economia Abril 2015


28 de abril de 2015

A AUGI da Serra da Luz, também é Odivelas!


Em todos os Concelhos de Portugal existem situações que os sucessivos executivos preferiam não ter. Em Odivelas a AUGI da Serra da Luz, aparentemente é uma dessas situações, em que o executivo Socialista prefere “chutar para canto”. Fingir que não vemos que existem problemas, esquecermo-nos que não deviam existir Odivelenses de Primeira e Odivelenses de Segunda.


Porquê a dispersão desproporcional de investimento no Concelho? Porque não sentem estes Odivelenses a presença da Câmara Municipal? 


Mais uma vez a JSD Odivelas, não teve medo de ir ao terreno perceber as reais dificuldades de uma AUGI que luta eternamente com a Câmara para resolver um problema que há muito poderia estar resolvido.

Falta Vontade!